23 novembro 2009

“Os Meus Parabéns à Frelimo”!!


Terminados estamos de mais um processo eleitoral, por sinal o 4°, desde que o país decidiu ou foi forçado a abraçar o multipartidarismo!! Um processo eleitoral que teve também a particularidade de arrancar ao país, aquele naquinho de reputação, pequeno que fosse, do “exemplar” percurso democrático que estávamos a trilhar, depois da introdução pós-independência de um sistema que não previa a dignidade e liberdade do indíviduo, e, consequente guerra civil, quando já não nos podíamos entender por palavras!!


Não é exagero dizer que passamos a pertencer ao grupo de nações, tendencialmente em extinção no mundo, mas que ainda povoa várias partes deste nosso continente, em que não há “Princípios” dignos desse nome e a “lei do tudo-vale” serve, desde que permita exercer e manter o poder!!


Passamos a fazer parte integrante desse “clube” em que, nações que se prezam, tudo fazem para não ver os seus nomes nele incluídos!! Frederick Chiluba, filho de um Zairota, em 1996 ganhou as presidenciais Zambianas com 72,50% depois de efectuar emendas constitucionais cirúrgicas para impedir Kaunda, seu principal contestante, a concorrer, alegadamente porque era filho de Malawianos. Sassou Nguesso, em 2002 ganhou as eleições presidenciais no Congo com quase 90% do voto, depois de assegurar que os seus dois principais rivais, Pascal Lissouba e Bernard Kolelas estivessem impedidos de concorrer. Teodoro Obiang, também ganhou folgadamente as eleições presidenciais de 1996 e 2002 na Guiné Equatorial, “depois de permitir que alguns partidos se pudessem organizar” para aqueles pleitos.


Portanto, estas já não são informações “dos outros”!! Passaram a ser nossas também!! Estão agora a reforçar a mediocridade no nosso C.V., por acção exclusiva de um punhado de hipócritas desesperados!!


E, falando em “clubes”, existe aquele da actual Bundesliga, de nome FC Schalke 04, que ganhou 6 campeonatos, quase que de forma consecutiva, entre 1934 e 1942. “Anos doirados”, aqueles!! De lá para cá, nunca mais ganhou!! Para quem não sabe, Hitler, “the Führer himself”, foi um acérrimo fã daquela colectividade! “Trabalho”, “Organização”, e blá, blá, ficam sempre bem, “por cima da levedura”!!!


Em tempos da “Primária”, era recorrente dizer-se que “não se multiplicam percentagens”!! Sim, “não se multiplicam percentagens” porque depois, fica uma grande confusão!! Quando você fala em “percentagem”, tem que saber sempre, “em relação a quê” é que você apresenta esse valor (relativo)!!! Se o resultado desse exercicio te baralhar a cabeça, ou resultar num “número pequeno”, melhor mesmo é pegar num “número grande” que te agrade (e.g. 75%) e gritá-lo até à rouquidão, para “engrandecer a tua alma”!! Porque, Matemática mesmo, é bastante difícil!! Se não o fosse, Direito não seria um curso ministrado em todas as esquinas deste país!! Só para ajudar um pouco, nesta coisa de percentagens, 75% de 36% é igual a 27%!!


De facto, a “sonoridade” que temos notado ultimamente, não é tanto de “celebração de vitória”!! Não é espanto para ninguém, que essa nunca existiu!! O barulho que ouvimos, é antes manifestação de “incredulidade” por, após as “tintadas” e “dedadas”, que não iniciaram no apuramento dos votos, o país, com a enorme tensão ora instalada, se mantivesse “pacífico” e não víssemos episódios como os que aconteceram recentemente no Quénia, Zimbabwe ou Madagáscar!!


A tal chamada “organização”, viu o seu “marco zero” em eventos como o da exclusão ilegal de uma das melhores magistradas do país, do elenco do Conselho Constitucional; o processo de actualização do recenseamento eleitoral intencionalmente desorganizado e que nem sequer 50% das metas conseguiu atingir; a exclusão planificada e esforçada de contendores temidos; a alteração dos locais de votação para dificultar a vida à população em círculos eleitorais definidos e bem localizados; a troca, desaparecimento e invenção de novos cadernos eleitorais; a recusa de certificação de fiscais dos partidos na oposição às Assembleias de voto; a recusa de aceitar reclamações a outros tantos durante a votação; as fraudes, extensivas nas suas variantes e que, mesmo filmadas, os acéfalos de sempre, que gostam de se apresentar como se vissem pela nuca e que acham que este país deve, no seu percurso histórico, trilhar os carris da sujeira, da mentira e da falsidade, se desdobram em correrias, para escamotear os factos e as verdades!!


O que os “fazedores” do “tudo-vale” devem meter nas suas “cabeças de galinha”, como dizia o saudoso Samora Machel, é que, das suas acções maquiavélicas, o “threshold” de tolerância foi já atingido e largamente excedido!! Os efeitos que a partir daí se geraram, são caracterizados de elevados “coeficientes de resiliência”. Não haja dúvidas que, a sua repetição, nestes moldes ou outros metamorfizados, vá lançar o país para a turbulência e instabilidade!! Não se fala aqui de instituição ou formação específica, mas deste “exército latente” de 70% de indivíduos que não se identifica com a forma como o processo político Moçambicano tem sido executado e que, de forma clara e propositada, tem sido privado das suas opções de escolha. A este, deve ser adicionado, o lote dos nascidos no dia das primeiras eleições de 1994, cuja atitude crítica e habilidade em não se comprometer com quem quer que seja, com o intuíto de benefícios a curto-prazo, tem se visto em Organizações como a do Parlamento Juvenil. A estes, interessa o país e querem vê-lo evoluir assente em “Princípios” e “Bases”, que não sejam confundíveis, como hoje acontece, com a barriga de uma certa casta de indivíduos!!


Outra coisa, é, como diz a sabedoria popular: “Quando a esmola é exagerada, até o mendigo desconfia”!! Nesse prisma, urge que cada um faça a sua própria introspecção e examine se, o esforço tremendo e acções maquiavélicas observadas neste processo, para se manter no poder, encontram cabimento e justificação no folclórico “para servirmos o povo”!! Até que ponto, “amam”, de facto, esse povo?? Este exercício é válido e imperioso aos “pensadores de serviço” que, carregados das suas “convicções” (tribais ou não), estão a ver passar a carruagem com os meninos e meninas da "segunda geração monárquica", para apeadeiros estratégicos, agora que estamos septuaginários!! Sim, estou a perguntar-te se estarás lá na Estação, para lhes transportar as malas!!


Noutro prisma, podemos discordar dos “Princípios” pelos quais esta “Nação” deve ser regida!! Mas, não nos peçam para sermos hipócritas!! Nenhum país logrou avançar e desenvolver-se, com tal casta de indivíduos!!


A finalizar, e, do recentemente publicado “Índice de Percepção de Corrupção”, pela Transparência Internacional, é matéria de facto e consenso que, os países cimeiros nesta avaliação, reflectem “estabilidade política, normas de conflitos de interesse histórica e largamente estabelecidas e, instituições públicas sólidas e funcionais”!!!


Não precisamos correr para a Nova Zelândia, Dinamarca, Singapura ou Suécia!! Temos aqui, há um par de milhas, exemplos de grande consistência como os do Botswana, Namíbia ou Cabo Verde!!

É isso que queremos para o nosso Moçambique!! E, digam-nos que estamos errados…………..!!!



Post Scriptum

Sedentos de legitimidade,

Que não está na sua estrutura óssea,

Os hipócritas acorrem,

Solícitos a esta postagem,

E, como famintos corvos,

A devoram e bebem aos sorvos,

Loucamente até à náusea,

Mas nem o título lhes dá tranquilidade!

43 comentários:

Nero Kalashnikov disse...

Muita raiva Jonathan!

Um abraco meu irmao, um abraco.

umBhalane disse...

Parabéns Jonathan.

Talvez porque gosto de Matemática, ciência exacta, rigorosa, trabalhosa,...

Há as ciências do expediente, da sinuosidade, escorregadias que nem enguias, habilidosas, onde o preto hoje é branco, mas amanhã é preto novamente, ou melhor, cinzento, cor mais abrangente...

E há também as ciências do totalitarismo…com muitos apreciadores, e seguidores.

Basilio Muhate disse...

Jonathan...

Ta electriko meu caro ? Não vale a pena meu caríssimo. Recorde-se dos bons e nem tão velhos tempos em que faziamos previsões entre o cantar do galo e o soar do batuque, misturados com o voo da perdiz. Se tivesses apresentado essas matemáticas naquela altura terias o mérito de ser um homem de boas previões.

Eu também gosto de matemática, tal como o Umhalane, e também fiquei surpreendido (pela positiva) com os resultados da Revolução de 28 de Outubro, mesmo sem emendas constitucionais tal como foi no Congo ou nos outros países Africanos que citaste.

As grandes contas de matemática democratica e política que eu faço agora referem-se a como é que um grupo de 8 parlamentares podem participar na AR sem poderem constituir bancada, e sem terem aliados à vista, na medida em que aliar-se à Renamo é afundar uma força emergente e aliar-se à Frelimo é mendigar uma força que não precisa de mais ninguem para governar àvontade. Essa sim é uma matemática dificil.

Parabéns pela tentativa Jonathan...em 2014 temos mais...

Jonathan McCharty disse...

Nero,

Nao existe raiva alguma!
Existem factos e verdades que, quem quiser, pode confronta-los!!
Outra coisa que nao tem mesmo, e' o combustivel que move algumas mentes oprimidas: HIPOCRISIA!!

Outros tantos abracos!

Jonathan McCharty disse...

Obrigado pelos parabens, Umbhalane!!

Os cinicos e hipocritas estao sedentos de legitimidade! Ela nao existe nas suas entranhas!! "Exigem" aplausos por algo em que, nem eles acreditam!

Pois, tendes aqui, nao so' o que quereis, mas o que deveis ouvir!!

Um abraco!!

Jonathan McCharty disse...

Basilio,

Neste blog fazemos previsoes e, de forma ostensiva, as acertamos!! Acertamos, porque fazemos uma interpretacao cuidada dos factos!! Sao coisas de nascenca!! Nao se obtem no partido!!

Neste ano, nao fizemos previsao alguma, por razoes obvias!! Fizemos, isso sim, apelos!! Apelos que sao validos hoje, como o serao amanha, daqui ha 5 anos ou 1 decada, pelo valor intrinsico que representam e que, nenhum hipocrita teve ou tera' coragem de confrontar!!

Nunca ninguem algemara' as palavras!! Elas sao um grande inimigo da "farsa" e da "hipocrisia"!! O Basilio, pode fazer "by-passes" a sua consciencia, mas sabe bem "elas" se encontram e sao reproduzidas!!

O que te posso dizer e' que castelos, por mais imponentes que parecam, mas, uma vez assentes em sapatas de areia, so' lhes resta um desfecho: RUIR!!
Nenhum vassalo, seja ele um oficial plantado num organismo eleitoral, a manipular as leis para agradar os seus patroes, ou, um deputado esfomeado, a alterar a constituicao para os mesmos fins, podera' segurar as paredes para que estas nao desabem!!

Nos acreditamos num Mocambique regido por "Principios", dignos de ostentar esse nome!! E, podes ter a certeza que esse e' o Mocambique que vai surgir, que vamos erguer!!

Este e' um processo irreversivel e, no fim, todos nos, incluindo os hipocritas e lambebotas, nos sentiremos libertos!!

Um abraco!!

Reflectindo disse...

Sedentos de legitimidade é uma pura verdade.

Quanto aos números, se uns não entendem, há outros que bem os dominam e tiveram em conta na sua estratégia - são os estrategas do grupo. Mobilizaram abstencões em massa para atingirem os 75 %. Claro que esses números animam aos que não entendem a relatividade.

Ah, não houve emendas constitucionais, mas houve remodelacão do Conselho Constitucional para garantir as trafulhices.

Jonathan McCharty disse...

Reflectindo,

Estes senhores sabem que nao ganharam nada!! Querem legitimidade "externa", quando esta deveria estar estabelecida em si mesmos!!

Podem fazer as trafulhices que entenderem!! Tudo tem o seu tempo e, e' bom "que aproveitem" o seu!

Mas, o que devem saber e' que este povo, que sabem e teem a certeza que nao esta' do seu lado, percebe todo o jogo e artimanhas em curso!!

Podem pedir alguns dolares ao novo PCA dos Aeroportos, "para a celebracao do partido", e aldrabarem-se uns aos outros que "ganharam", mas a consciencia do povo, essa nunca hao-de comprar!!

Nero Kalashnikov disse...

Jonathan,

Eu acredito em dias melhores. Se querem melhorar as coisas, toquem-nas. Estado do lado de fora nada vao mudar. Nao e' falando que se muda as coisas. E' agindo. E nao e' agindo por fora. E' por dentro. Se queres moldar o barro tens de toca-lo. E se queres fazer bons vasos tens de aprender a gostar de moldar o barro e gostar do proprio barro.

Venham para a FRELIMO e contribuam para a mudanca. Falando e escrevendo em nada estarao a contribuir. E' tempo de fazer as coisas e nao de aparecer como dono da verdade qual conselheiro oficioso.

Estamos de bracos abertos

JOSÉ disse...

Brother Jon, o teu texto é uma bofetada de luva branca na face dos hipócritas que embriagados pelas "vitórias retumbantes" perderam o bom senso e o decoro.

As máscaras caíram e essa gente acabou por mostrar a verdadeira face da falta de ética,intolerancia e desonestidade intelectual.

Apesar das provocações, a realidade é que essa gente está no lado errado da História, ninguém vai parar o Povo moçambicano rumo a uma sociedade democrática e justa.

Abraço forte!

Nunoamorim disse...

"Mobilizaram abstencões em massa para atingirem os 75 %" Reflectindo

Essa frase está disprovida de lógica matemática...quando a abstenção passa de 54% para 44% segnifica que ela cresceu ou diminuiu?

Que eu saiba a abstenção diminuiu em quase 10%. Se a abstenção diminuiu, então a mobilização foi no sentido de aumentar a participação.

Ainda estão sob efeito da derrota...é por isso que os comentários saem sem lógica

Nuno

Reflectindo disse...

Mano Nero

"Venham para a FRELIMO e contribuam para a mudanca. Falando e escrevendo em nada estarao a contribuir."

Não deixas de me surpreender. Entendes que se contribui para o país estando na Frelimo? Não deves gostar do multipartidarismo? Não acreditas que se contribui escrevendo? Então, vamos incendiar as bibliotecas.

Mano Nero na Frelimo é mais para roubar até Chipande disse e o Caso Aeroporto é só icerberg.

Jchacate@yahoo.com.br disse...

Nunoamorim, admiro os seus comentários compatriota!

Qual é a fonte dos 54% e 44% logica de 10%?

Se me permite, poderias aprofundar a lição sobre o que chama de "Lógica", talvez consingamos distrinça-la da verdade...

umBhalane,
"Talvez porque gosto de Matemática, ciência exacta, rigorosa, trabalhosa,"

Só faz sentido quando é hermeneuticamente e de utilidade sicial (as eleições em si são um facto social). portanto, não cultive preguiça pelo seu "gosto da matemática" porque só poderá falar usando a palavra e ela, se escasseia a quem não gosta dela. heheh brincadeira...

Reflectindo disse...

Nuno Amorim

1. É a matématica que queres discutir?

2. O JChacate fez uma pergunta sobre as tuas fontes. Espero que respondas.

3. A abstencão diminuiu em relacão o quê?

4. Onde é que a abstencão reduziu e como se explica? Nuno Amorim, Leia bem os Boletins de AWEPA. e o artigo de Luis de Brito.


Continuo depois

Basilio Muhate disse...

Caro Jonathan

QUe previsões acertou neste blog ? Nós que somos membros da Frelimo não fazemos uma interpretação cuidada? nós que somos da Frelimo é que nascemos sem essa capacidade ?
Como é que o jonathan se distancia do MDM e usa a capa de intelectual agora que quer fazer previsões? como é que pensa que pode legitimar isso ? Eu também sou intelectual nesse caso, e o facto de ser membro de algum partido não me tira essa qualidade. Ou atiramos todos os nossos certificados intelectuais para o lixo e debatemos política, ou vamos discutir matemática como ciencia.

Este ano não fizeram previsões como bem diz o Jonathan, fizeram apelos e perderam tempo a fazer isso no momento em que deviam fazer previsões. Agora surpreendem-se com os resultados em consequencia do tempo perdido em apelos e não em projecções e previsões dos resultados eleitorais.

Os apelos são válidos, em qualquer partido, mas não representam nenhuma previsão e nem contribuem significativamente para prever nada. Os apelos podem ser feitos pela sociedade civil, os partidos políticos fazem políticas e programas de governação.

Ademais, apelos não são para serem confrontados, são para outros fins e são sempre benvindos os apelos que fazes no teu blog, serão acolhidos por quem de direito.

Em relação a Castelos, o que te posso dizer Jonathan é que nós a Frelimo ainda estamos a construir o nosso castelo e como deve saber, não está assente em sapatas de areia, portanto, obviamente que um dia irá ruir porque tudo tem princípio e fim, mas uma coisa lhe asseguro: Alguns castelos tem uma duração de 191 anos e a vizinhança anda com um prazo de amortização de 8 anos, o que periga sobremaneira à estabilidade. Esses vizinhos é que tem que se preocupar com os seus castelos de areia que estão a ser construídos às pressas e com material roubado a um outro castelo de 53 anos de tempo de vida, sujeitos a tempestades e vendavais.

Agora diga-me qual dos castelos tem mais probabilidades de maior durabilidade já que é bom em previsões e apelos.

Ainda bem que vocês acreditam num Mocambique regido por "Principios", dignos de ostentar esse nome e que concorda que NÓS (moçambicanos) é que vamos erguer esse Moçambique. Mas não me convidem a começar do zero pois eu estou com a maioria que está a erguer e a caminhada já é longa para voltarmos à estaca zero com pedaços desgastados de um castelo em ruinas já.

Que este processo de edificação de Moçambique e' um processo irreversivel e, no fim, todos nos, incluindo os hipocritas e lambebotas, nos sentiremos libertos, não tenho nada a obstar, o que não posso assumir é que um grupelho dos tais ambiciosos e lambebotas de castelinhos revendique para si todo um processo de construção do grande castelo e ainda por cima sugira que construamos um castelinho para todos nos apertarmos lá dentro.

Forget about it...a juventude Moçambicana já não está em condições de ser enganada por ninguem... por isso é que alguns tiveram medo de fazer previsões antes das eleições e limitaram-se à apelos, porque sabiam que a juventude Moçambicana não se deixa iludir.

Um abraco!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Nero,

O grande problema de muita gente e' pensar que nosotros, que pensamos pelas nossas cabecas e nao somos reprodutores de propaganda, rogamos a destruicao do pais!!

Eu gostava de escrever mais do que tenho feito, mas os inumeros afazeres nao me permitem!! Nos temos a graca de ter uma profissao em que, no fim do dia, as letras e linhas no papel, se transformam em "obra feita"!! Estamos a fazer isso e tantas outras coisas por este nosso Mocambique!!

Mas, se o Nero acha que palavras servem para nada, compare o numero de postagens nos ultimos meses no seu blog com as deste, e venha repetir o que disse!!

No meu trabalho profissional e na vida social, eu lido com seniores do seu partido e, de forma recorrente, nao me lembro de quantos convites e inclusive fichas trazidas, para me tornar membro desse partido!! O raciocio e' simples: se encontram alguem articulado e que expoe os argumentos e pontos de vista de forma esclarecida, entao e' um instrumento "aproveitavel" para ajudar-nos a oprimir os desfavorecidos, enquanto, mantemos o tamanho das nossas barrigas!!

Tenho tambem amigos, conhecidos e familiares que, pelo seu zelo profissional estao a dirigir varios sectores. Chegaram la', por merito proprio! Uma vez la', sao perguntados com surpresa e incredulidade pelos colegas na mesma posicao ou superiores, "como ainda nao teem o cartao do partido"!! Por forca de circunstancias, teem que tratar do cartao! E, em cada local, tem uma especie de "capelao", que controla quem esteve ou nao esteve na reuniao da celula!! "Nao vimos so' director la' no sabado!!" E', de facto, uma tortura para estes individuos e eles teem que balancar as suas romarias a tais encontros, para nao serem conotados com a oposicao!!

Mas, o que eu considero, uma autentica desgraca para o pais, e' parte deste individuos, que e' gente capacitada, perder totalmente o cerne e passar a comportar-se, como se nao tivesse habilidades nenhumas e estivesse naquela posicao de direccao, por alguem lhe ter feito "favor"!!

Sao pessoas que, pelas suas capacidades, deveriam ter suas empresas, empregar outros Mocambicanos e contribuir para o desenvolvimento do pais!! Em contrapartida, tornam praticamente seres vegetais, escamoteando a verdade e os factos, traindo as suas consciencias, defendendo causas em que nao acreditam, tudo, "porque querem sobreviver"!!

Estes senhores deveriam ser senhores do seu proprio destino e nao uma casta de paus mandados!!

Eu nao sou dono da verdade!! Relato factos, de jeito que os entendo!! E, quem discorda deles, tem amplo espaco para os contrapor aqui!! Minha mente nao esta' amarrada e nao preciso de impressionar a quem quer que seja, ou esperar alguma retribuicao!!

Um abraco!!

Jonathan McCharty disse...

Brada Jose,

Este e' um exemplo classico em que a carapuca serve a muita gente!!
Acreditam que vamos erguer este pais a rolar em carris da falsidade, hipocrisia e mentira!!
Bom!! Podem se aldrabar uns aos outros, mas nao se podem pensar que sao zarolhos em terra de cegos!!

O processo irreversivel ja' comecou e ninguem o vai parar!! Podem ler "O Principe", quantas vezes entenderem!!

Um abraco!!

Jonathan McCharty disse...

O Nuno no seu esilo habitual! Trocando os numeros, escamoteando os factos e os apresentando com "tranquilidade", ao estilo de um propagandista daqueles bem fanaticos!!

Um abraco, meu irmao!!

Jonathan McCharty disse...

Reflectindo,

O Nero e' um jovem "smart"!! O unico problema dele e' dizer coisas que nem ele acredita!!
Outro dia perguntava eu, a um outro jovem "smart" com "contas pagas e em dia no partido", que "influencia, que ideias e que mecanismos tinha de as transmitir aos seus pastores"?? O seu silencio, pela sonoridade que o caracterizou, respondeu tudo!!

Agora, faca a mesma pergunta ao Nero, para ver se ele, de facto, acredita na efectividade do que diz!!

Um abraco!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Chacate,

Gostei do seu comentario, quando refere que "só poderá falar usando a palavra"!!!
Alguns grandes utilizadores de "palavras" e ate' "sobreviventes delas" nos sugerem (ou pretendem) que as abandonemos, "porque servem para nada"!!

Hipocrisia mesmo, ha' quantas nos levas???

Um abraco, meu irmao!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Basilio,

Antes agradecer pela extensao do comentario!! Deve ter dado um trabalhao escrever isto tudo!!

"Previsoes" neste blog, existem muitas e, o amigo sabe como as encontrar!! Se nao, existe um quadradinho no canto superior esquerdo desta pagina! Sugiro que digite a palavra "Previsão" e clique na lupa!! Se houver complicacao para fazer isso e precisar de um desenho elucidativo, e' so' apitar!!

Quanto a "capacidade" ou "fazer leitura cuidada dos factos" (por causa da terminacao, favor nao confundir "cuidada" com "escamoteada") eu falo de mim proprio!! Nao usurpei direito algum seu, por isso fique tranquilo!! Melhor do que ninguem, o amigo conhece as suas capacidades e esta' no seu pleno direito fazer o seu uso ou abuso, conforme entender!!

Em nenhuma parte esta' indicado que este blog pertence ao MDM!! Em nenhum momento ou parte se escondem simpatias por este partido de gente jovem e que tem alarmado tanto hipocrita ocioso!! Vejo muito desespero quando diz "se distancia do MDM e usa capa de intelectual", porque parece que o amigo esta' mesmo muito baralhado!!
Como e' que se materializa essa "distancia do MDM" e como "fica" essa "capa de intelectual", hehe!!

Alguns vez nos viu vender-se como "intelectual"?? Que eu saiba, preocupacao com "titulos" e' coisa de individuos ou que nao terminaram a universidade ou se o fizeram, foi de forma sofrida!! Como fica um "certificado intelectual" meu irmao!! Que instituicao e' que o esta' a "distribuir"?? Se eu tivesse esse "certificado", pode ter a certeza que o atirava a primeira lata de lixo que encontrasse!! Nao se iluda irmao, nao e' um pedaco de papel que confere qualidades ou capacidade a alguem!!

Quando o amigo le os textos aqui ou nossos comentarios por ai fora, o que lhe transparece??

Os "apelos" neste blog, estao escritos e fundamentados!! Se tiver algo a contraria-los, tem toda a liberdade, rapaz!! Sobre "surpresa", ninguem saiu surpreso!! Surpresa mesmo, foi com o medo que tem corroido o teu partido, a ponto de ter evitado ser dilacerado nas urnas!! Voce sabe muito bem que, jovem nenhum esta' do vosso lado!! Povo nenhum esta' do vosso lado!! Isso e' que te faz correr, a procura de legitimidade, para apaziguar os "by-passes" que fazes a tua consciencia!! So' que e' um esforco vao!! Devias poupar o teu folego!!

Se achas que alguem te quer arrancar algo, devias comecar a te preparar, principalmente o estomago, para quando perderes esse algo!! Nos olhamos para o pais, como algo que deve ser desenvolvido com o que ha de melhor, dentre os seus filhos!! Nao olhamos para isto como um exercicio de arrancar algo a alguem!!

Um abraco!!

P.S- Melhor confirmar se as sapatas do teu castelo nao sao mesmo de areia!!

amosse macamo disse...

“Porque, Matemática mesmo, é bastante difícil!! Se não o fosse, Direito não seria um curso ministrado em todas as esquinas deste país!!”-Johnathan

“as fraudes, extensivas nas suas variantes e que, mesmo filmadas, os acéfalos de sempre, que gostam de se apresentar como se vissem pela nuca e que acham que este país deve, no seu percurso histórico, trilhar os carris da sujeira, da mentira e da falsidade, se desdobram em correrias, para escamotear os factos e as verdades”-Johnathan

“O que os “fazedores” do “tudo-vale” devem meter nas suas “cabeças de galinha”, como dizia o saudoso Samora Machel, é que, das suas acções maquiavélicas, o “threshold” de tolerância foi já atingido e largamente excedido!!”-Johnathan

EU ACHO O INSULTO NO DEBATE DE IDEIAS UMA POSIÇÃO ANACRÓNICA.
PORQUÊ RECORRER A INSULTOS E GROSSERIA SEMPRE QUE SE REFERE AOS QUE NÃO ESTÃO DE ACORDO COM AS SUAS IDEIAS?

ACEITO QUE DESCONTEXTUALIZES (COMO SEMPRE O FAZES), QUE FALSIFIQUES E RIDICULARIZES ALGUMAS POSIÇÕES, QUE REFUTES SEM AO MENOS FUNDAMENTAR, QUE DECLARES A SUA PRÓPRIA CIÊNCIA, MAS NÃO INSULTE POR FAVOR.

NERO JÁ LHE FEZ ESSE PEDIDO E EU REITERO; NÃO ISNULTE MEU AMIGO JOHNATHAN, PORQUE, NA SUA CÓLERA SAGRADA, ACABAS ME IMPEDINDO DE ANALISAR O CONTEÚDO DOS SEUS ESCRITOS, DO SEU RACIOCÍNIO.
VAMOS USAR ARGUMENTOS RAZOÁVEIS, RACIONAIS, RESPEITADORES DAS DIFERENÇAS...SEMPRE!

Jonathan McCharty disse...

Caro Amosse!!

(1) Podias partilhar connosco, o que achas acerca de Matematica?? E' dificil ou e' facil??
Podias nos dizer, na tua percepcao, qual o curso superior mais ministrado no pais??

Eu, entendo estar a fazer aqui um retrato fidedigno das coisas!! Tens todo o espaco do mundo para confrontar essas assercoes e nao se refugiar nessa de que esta' a ser insultado!!

(2) Para ti, nao tem havido, houve ou nao houve fraudes??
Quem disse que "politica faz-se de forma suja e quem nao esta' preparado para essa realidade, que se demita", nao fui eu!! Foi o Martin e o Matsinhe e o resto de voces, corroborou essas afirmacoes!! Portanto, e' nisso que voces acreditam e querem ver perpetuar-se neste pais!! Agora falam de "vitoria", mas ja' querem omitir a "sujeira", em cujos carris o vosso comboio se esperneia???
Que digam, como antes, que "sim, ganhamos de forma suja" e podes ter a certeza que vos congratulo!! Porque ai, estarao a deixar de ser hipocritas!!

Mas, reservo-te o direito de achar que estar a ser insultado!!

(3) Eu sei que o Amosse e' "smart enough" pra saber que existem "fazedores do tudo vale"!! Se tiver duvidas e precisar esclarecimentos e' so' apitar, que lhe avanca alguns nomes que, certamente conhece!!
Nao sei se, quando Samora pronunciou aquelas palavras, o Amosse tinha idade suficiente para ouvi-las pela radio ou as ler no jornal ou revista tempo!!! A minha questao e', se o Amosse achou que emanava algum insulto, quando elas foram proferidas, em primeira instancia?? Se sim, em que contexto??
Agora, tenho tambem imenso receio que o amigo Amosse tenha encontrado insulto na expressao:
"...é que, das suas acções maquiavélicas, o “threshold” de tolerância foi já atingido e largamente excedido!!”
Se o problema e' "threshold", apita, para fazermos a traducao!!

Uma coisa que me ofende e que considero um insulto, e' a postura hipocrita que muitos de voces adoptam e fazem "o pao nosso de cada dia" aqui na blogsfera!!
Se quiserem debater, aqui devem esperar ouvir verdades!! Agora, se sao as pequenas picadelas que vos chamam a atencao, pelo menos a mim, ressalta que nao teem argumentos para contrapor o que esta' escrito aqui!!!

Voces nao me vao dizer que um individuo que acredita que nao existe outra forma de fazer politica, que nao seja "de forma suja", fica ofendido com expressoes do tipo "cabeca de galinha"!!! Epa, as vossas crencas vos atiram aqui a esfera de debates, como "pecas ou orgaos metalicos"!! Outros "Jos" podem achar que voces estao a ser hipocritas, pah!!

Um abraco, meu irmao!! Meus votos de excelente fim-de-semana!!

Cocktail Molotov disse...

Minhas felicitacoes `a FRELIMO. Que as coisas melhorem e que o dinheiro do povo seja tratado como algo sagrado.

amosse macamo disse...

Johnathan, a matemática é tão difícil que só cabe na sua cabeça. Não tenho estatísticas que apontem qual o curso superior mais ministrado no pais, mas mesmo que seja o Direito, a questão que lhe coloco tem a ver com o reducionismo com que encaras os outros cursos diversos do seu!
O Direito que repudias ensina-me a ver em qualquer situação o que predomina; o bom ou o mau e no caso de eleições pode ter havido fraude mas não predominante para manchar o processo e nem pôr em causa a credibilidade do mesmo.

Tenho dito que as eleições não constituem uma empreitada fácil, e não são fáceis porque a máquina eleitoral, é dirigido e constituido por homens e estes são frágeis(até os engenheiros que estão perto de Deus o são) e pode por isso haver erros, fraudes, mas é preciso olhar para o conjunto, o todo, e não a parte, e que, ao analisarmos a parte o devemos fazer no sentido de questionar a mancha que pode ser para o conjunto.

E sobre as fraudes e enchimentos lhe podia colocar algumas questões como por exemplo:
não acha estranho o meu amigo Johnathan que tenha havido enchimentos em Gaza, lugar onde a FRELIMO nunca precisou de ajuda? (por todos motivos evocáveis)
quem teria interesse na questão de enchimentos num lugar impermeável a discursos contrários como Gaza? A FRELIMO?

Não se dê a trabalho de traduzir o que escreveste, porque onde se impõem não serias capaz de traduzir e mesmo por conveniência.
Um abraço e já agora que o meu amigo cefalóforo esclareceu-me que não há insultos no seu discurso, vou me permitir analisar o mesmo e rebaté-lo se possível e claro, sem medo de alguma verdade que o mesmo carrega, isto, na eventualidade de a ter.
P.S. ajude a MDM a resolver a questão da bancada com a matetamática ou então das ações que deram entrada na PGR, com a mesmíssima matemática .

Um abraco, meu irmao!! Meus votos de excelente fim-de-semana!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Amosse,

"Reducionismo" mesmo, e' atirar toda e qualquer racionalidade e orientar todo o pensamento, no esforco vao de "defender o partido"!!

Para voces, nao existe e nunca existiu pais algum!! Existe, isso sim, partido!!

O amigo Amosse nao esta' preparado para olhar para a realidade e fazer-lhe frente!! Esse, seria um exercicio devastador!! Melhor mesmo, e' nao toca-lo!! Enquanto isso, continue a aldrabar-se a si e seus comparsas!!

Tenha optima semana!!

Reflectindo disse...

Caro Amosse

É muito interessante essa acusacão de insultos a quem escreve com frontalidade.

Com certeza que já leste os insultos puros dos frelimistas no Shirangano, mas nunca disseste nada a eles. Porquê?

Meu amigo Amosse, insultos foram lançados na blogsfera e Notícias pelos frelimistas. Já me fartei de reportá-los no Reflectindo desde 2006 e desde Junho foi o cúmulo. São insultos direccionados a pessoas escolhidas.

Mas sei, os frelimistas querem evitar falar da corrupção e escândalo eleitoral - fraude. Até gostariam que os blogs desaparecessem para não publicarem o que prova a podridão do sistema. Mas isso é mentira.

É sim estranho que em Gaza, Tete, Ilha de Mocambique e outros locais haja enchimento de votos desde 2004. É estranho que nas circunstância em que ocorre. E fica mais estranho que a Frelimo não questione tudo isto, apesar de ter tido delegados de mesa ou fiscais. É isto que quem ama a pátria devia olhar, mas infelizmente repetem os INSULTOS tentando atribuir o crime e vergonha a quem foi vítima. Isto é que é INSULTO.

Boa semana do trabalho.

Jonathan McCharty disse...

Reflectindo,

Roubado do teu blog, esta' aqui um trecho do "Boletim", que faz uma resenha do que temos vindo a debater por aqui:

"Nunca é uma coisa sozinha que torna o processo injusto, ou desnivela demasiado o campo. Mas tomadas no seu conjunto, o terreno para disputar estas eleições estava para o lado de um monte cheio de degraus e os grupos de observadores chave estão certos nas suas críticas.

Para ser internacionalmente aceite exige-se mais algum equilíbrio e justiça. E, em última análise, cabe à Frelimo fazer a opção política – será assim tão grande o risco de perder eleições justas em 2013 e 2014 que precisa de ignorar as críticas internacionais, ou é genuinamente popular e capaz de ganhar eleições livres, justas e transparentes?"

Fonte: Boletim sobre o processo político em Moçambique – Número 43 – 19 de Novembro de 2009 – pág.4

Nota: Esta ultima pergunta fez o resto da minha semana!! Nenhum hipocrita, pela sua condicao de "criatura nocturna", consegue sobreviver a tamanha carga luminosa!!

Anônimo disse...

Caro Jonathan,

Mais uma vez meus parabens pelo excelente artigo. Lamentar que o nosso analfabetismo massivo nos impede de aceder a leituras tao proveitosas com as que nos brindas. Pior sao os ditos "academicos, comentaristas, analistas, opinologos, etc..." que nao sendo iletrados, sao politicamente analfabetos como o tal de Nero, Muhate, Amorim, etc... que fazem uns comentarios desprovidos de qualquer lògica, provando que sao fantoches descartaveis, putas da fama facil: entao, ainda ha quem pensa que para ajudar ao pais deve-se filiar a Frelimo??? Entao, nao percebe que os que estao na Frelimo estao para ajudar a si e ninguem mais??? Com os 34 anos de conducao dos destinos do pais, se a Frelimo quizesse ajudar ao pais, teria ajudado, nao seria a vergonha que vemos hoje, onde o Zimbabwe depois de 10 anos de crise economica e social, està melhor posicionado que Mocambique que cresce a taxa de 10% nos ultimos 10 anos...

Honestamente eu acho que merecemos o pais que temos, os lideres que temos e a pobreza que temos... pais de covardes!!!

basilio muhate disse...

Anonimo...so agora ? Tao tarde porque ?
O teu timming e proporcional ao teu discurso...parabens pela proporcionalidade directa

Nero Kalashnikov disse...

"Pior sao os ditos "academicos, comentaristas, analistas, opinologos, etc..." que nao sendo iletrados, sao politicamente analfabetos como o tal de Nero, Muhate, Amorim, etc... que fazem uns comentarios desprovidos de qualquer lògica, provando que sao fantoches descartaveis, putas da fama facil" - Anonimo

Jonathan, como podes ver,
Reflectindo, como podes ver,

Sao os da FRELIMO que insultam? Eu me recuso a participar em debates mediocres como este. Gostaria, Jonathan, que te posicionasses perante os insultos deste anonimo. Consoante o teu posicionamento, tomarei uma decisao definitiva quanto `a minha participacao nos debates que tens criado neste teu blog.

Um abraco

Nero

basilio muhate disse...

Este anonimo quer "Shiranganizar" o debate. Peco igumente o pronunciamento do Jonathan em relacao a este anonimo.
Um abraco

Anônimo disse...

Estimados,

De antemao, pedir desculpas ao Jonathan a quem prezo muito por ter criado um certo desconforto no seu blog. Ao Nero, Muhate, etc... e a todos que se sentem ofendidos ou que efectivamente ofendì, directa ou indirectamente, minhas sinceras desculpas...

Nero, nao tens que abandonar o blog, apesar de eu pessoalmente nao concordar com a maioria das tuas afirmacoes, mas estamos num pais onde ha "liberdade de expressao", e creio que deve haver por ai alguem que concorde contigo. Entao, focaliza nesses e me esquece.

Muhate, estou de facto com problemas de fase (desfasado), o meu timming se ajusta a realidade de Mocambique real, nao aquilo que se vive no Maputo, por 3% da populacao, que tem acesso as tecnologias de informacao e comunicacao, mas aqui onde estou, nesta localidade remota, onde nos visitam apenas na corrida a Ponta Vermelha, nao temos esse acesso, por isso, de mes-a-mes, quando tenho oportunidade de deslocar-me a sede provincial, procuro um dos nossos netcafès da era da pedra, com conexao a velocidade de lesma, apesar de Mocambique estar ligado ao mundo atraves da fibra optica SEACOM, algo que nao mudou em nada, nem nos custos, nem na velocidade de ligacao. Coisas tipicas do nosso Mocambique.

Quanto, ao que escrevì, reitero, tirando "os insultos", e por isso pedia a todos para que leiam de novo e busquem a verdade no que escrevi... uma vez aprendi que todos tem algo para ensinar, por mais dura que seja a pessoa, mais antagònica, mas sempre tem algo que podemos aprender dele! O que nao serve, nao serve, mas sempre ha algo que se pode aproveitar.

De facto, comparem o nosso crescimento de 10% por ano nos ultimos 10 anos, com os 10 anos de crise economica e social do Zimbabwe e verifique a posicao deles com a nossa no Indice de Desenvolvimento Humano: algo esta errado neste pais...

Lamentavelmente, num pais com mais de metade da populacao analfabeta como o nosso, eh triste verificar que os nossos "Doutores" usam o seu conhecimento para explorar seu compatriota e prevalecer o fosso entre nòs os pobres absolutos e eles, os "mocambicanos de primeira". Isso me leva a concluir que "merecemos o que temos e o que somos e todos nossos problemas sao derivados da nossa covardia..."

Aproveitar o ensejo para felicitar o povo da Beira por ser diferente do resto do mocambicano, no que toca a covardia! Se existissem mais beirenses no pais, estariamos melhor.

Mais uma vez, desculpas ao Jonathan, Nero, Muhate e todos outros a quem ofendì.

Desejo um melhor 2010 para todos.

Jonathan McCharty disse...

Prezado "Anonimo"!!

Espero que tenha passado bem o Natal e quero agradecer pela visita e comentario a este blog. De facto, a batalha que travamos neste pais, nao e' uma batalha "pessoal", mas atinentes as aspiracoes colectivas de toda uma nacao!! Podemos divergir na abordagem que fazemos, mas o "foco" deve sempre ser mantido, o respeito mutuo nunca alienado e o "debate de ideias" sempre reforcado!! Fico feliz que tenhas retirado as palavras menos apropriadas dirigidas aos nossos compatriotas e reiterado os pontos que interessam na avaliacao dos problemas do pais!! Esse e' que deve ser o "foco" de todos nos!!

Um abraco e votos de um ano prospero!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Nero!!

Quero crer que tenhas tido um optimo Natal e tudo esteja a postos para a arromba do fim-do-ano!!

Eu preferi descansar de internet estes dias e devo dizer que fiquei colhido de alguma surpresa com os ultimos desenvolvimentos nesta postagem!! Pessoalmente, detesto fazer de "policia" de comentarios/comentadores e fico feliz pela maturidade mostrada pelo anonimo, ao retrair partes menos conseguidas do seu anterior comentario.

Deves debater ideias!! E' o que este blog "is all about"!!

Feliz ano novo para si, amigos e familia!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Basilio,

Meus votos de que tenhas passado bem o Natal!!

O esforco de todos nos deve ser, discutir os problemas do pais, tais como eles sao. Se, na maior parte dos casos ainda nao os debatemos propriamente, com adjectivacao sempre sera' uma distraccao acrescida e nunca iremos ao cerne da questao!!
Ademais, esta nao e' epoca do ano para andarmos a fertilizar "hard feelings"!!

Por isso, meus votos de um feliz ano novo!!

Jonathan McCharty disse...

Caro Nero,

Onde escrevi "Deves debater ideias", quis dizer "Devemos debater ideias!!"

Jonathan McCharty disse...

Caro Anonimo,

Penso que o Nero e o Basilio, perceberao as desculpas que lhes enderecas e eventualmente discutirao os outros pontos que apresentas!!

Vou discordar de si, relativamente ao ponto em que referes que "nos merecemos" o pais e a condicao particular em que este se encontra!! E' nosso papel que cada um seja, na sua frente, seja na funcao publica, sector privado, partidos politicos, etc, "agente de mudanca"!! E' essa postura que ira construir, pedra a pedra, a nacao que todos almejamos!!

Meu cometimento e' que todos alarguemos o campo de visao e a abordagem que trazemos/fazemos do pais!! Que cada um, antes de discutir um assunto ou problema particular do "pais", nao venha com "benchmarks" a limitarem o seu campo de accao e/ou pensamento!!

Este e' um aspecto fundamental para a utilidade de cada um de nos pela causa comum!!

Um abraco e votos de um ano prospero!!

Anônimo disse...

Jonathan,

Agradecer tuas sábias palavras. O facto de acreditar que merecemos o que temos, nao eh por gostar de pertencer a um pais como o nosso, mas sim eh um desabafo da minha parte quando vejo discursos de "agentes de anti-mudanca" como sao os que se referem atras. Nao eh possivel que existam tantas pessoas que nao querem que o pais se desenvolva: esses merecem o que tem! Lamentavelmente nao tem o que a maioria tem que eh a pobreza absoluta, analfabetismo, malaria, SIDA, etc... mas sao os mesmos que querem perpetuar a condicao de seus compatriotas e para isso só há um nome: COVARDIA

Jonathan McCharty disse...

Anonimo,

Percebo o teu ponto, alias, como tacitamente refiro, num dos comentarios, ainda no inicio deste debate!!

Penso que este e' um dos principais desafios da nossa juventude: a habilidade de poder sair das convencionais "safety or confort zones" e olhar para uma "big picture", uma causa maior, que nao seja o proprio umbigo!!

As pessoas se deixam absorver pelo egocentrismo, subestimam as suas proprias capacidades e acabam escolhendo a "opcao facil"!!

E' opcao facil, porque voce nao tem desafios!! "Tudo esta' bem"!! Precisa apenas de pegar no microfone e repetir essa mensagem, mesmo que nem tao pouco acredites nela!!

Mas os tempos estao a mudar rapidamente!! Os Steve Bikos, Fred Hamptons do nosso tempo e nacao, estao a surgir aos jorros e sao esses que, desafiando o sistema e nao traindo as suas consciencias com o mero objectivo de beneficios a curto-prazo, irao fazer surgir uma nacao regida por "principios" dignos desse nome!! Uma nacao em que, quando uma empresa publica desvia fundos para fins partidarios, os membros desse partido sao os primeiros a vir a publico repudiar essas accoes nefastas a cultura elementar de Estado!!

Um abraco e votos de um 2010 promissor!!

Anônimo disse...

Esse eh o Moçambique do sonho de meu pai e o que quero deixar para meus filhos.

Jonathan McCharty disse...

Eu nao tenho duvidas que esse Mocambique vai ser edificado. Esse processo esta ja' em curso! E, como gosto de referir, "no fim, todos nos sentiremos libertos"!!

Um abraco, meu irmao!!

Anônimo disse...

lodge sententious the redress at the all bruited about [url=http://www.bestbodog.com]bodog casino[/url] , with in [url=http://www.freeamericancasino.com]casino games[/url] and liberated [url=http://www.yourcasinousa.com]casino bonus[/url]. you can also join poker rooms at [url=http://www.bestbodog.com]bodog poker[/url]
[url=http://www.liveinternetcasino.com]Casino Spielen[/url] and [url=http://www.casinogameluck.com]Online Casino Spiele[/url] at the first-class German casinos as doubtlessly as something DE players.